Turismo de Ar Livre
Apresentação

O Curso de Especialização Tecnológica em Turismo de Ar Livre visa preparar técnicos especialistas em turismo de ar livre qualificados para conceber, planear, organizar e acompanhar programas de atividades de ar livre de natureza turística, enquadrando autonomamente os clientes participantes, sob o ponto de vista técnico e turístico, em atividades correspondentes à sua área e nível de especialização e participando na gestão e manutenção de instalações e equipamentos.

 

Procura-se, deste modo, disponibilizar ao mercado de emprego quadros técnicos de turismo altamente qualificados, que permitam um desempenho (poli)funcional de qualidade, fazendo apelo a elevados níveis de responsabilidade e de rigor na execução.

 

Pretende-se ainda que esta oferta formativa permita o prosseguimento de estudos no âmbito do ensino superior em área afim, prevendo mecanismos de reconhecimento de competências adquiridas, possibilitando o seu aprofundamento e respectiva conclusão de um ciclo de estudos superior.

 
 

 

 

 

Requisitos
  • Titulares de um curso de ensino secundário ou de habilitações legalmente equivalente;
  • Indivíduos que tendo obtido aprovação em todas as disciplinas dos 10.º e 11.º anos e tendo estado inscritos no 12.º ano de um curso de ensino secundário ou de habilitações legalmente equivalentes não o tenham concluído;

  • Titulares de uma qualificação profissional do nível IV;
  • Os titulares de um diploma de especialização tecnológica ou de um grau ou diploma de ensino superior que pretendam a sua requalificação profissional;

 

SELEÇÃO E SERIAÇÃO DOS CANDIDATOS

Provas de Aptidão Física e Funcional

As candidatos têm de realizar um conjunto de provas e entregar uma declaração médica, sendo considerados Aptos ou não Aptos.

 


1) Provas

- Resistência: Teste do vai-vem

- Força: Resistência Abdominal
- Força: Resistente dos Membros Superiores
- Agilidade: Teste de Illinois
 


2) Provas Específicas

- Provas de Natação e Adaptação ao meio aquático

Prova de 50m

Prova adaptação ao meio aquático

Prova de atividades em bicicleta

- Prova de Canoagem (pré-requisito obrigatório para o módulo de canoagem)

 


Prova de Aferição de Conhecimentos (PAC) + Entrevista

A Prova de Aferição de Conhecimentos (PAC) consiste num teste escrito, integrando dois grupos de questões/áreas Português e Inglês e visam aferir o nível de aptidão linguística e nível de conhecimentos gerais sobre temas de cultura geral:

 

- Português e Cultura Geral
- Inglês
- Entrevista Individual
Escolas que disponibilizam este curso
Escola do Turismo de Portugal // Coimbra
Escola do Turismo de Portugal // Faro
Escola do Turismo de Portugal // Setúbal

(A realização de cada curso está condicionada pelo número de candidatos inscritos)

Plano curricular

Consulta o plano curricular aqui.

Certificação

No final do Curso de Especialização Tecnológica em Turismo de Ar Livre, e tendo concluído com aproveitamento o respectivo plano de estudos, será atribuído ao aluno um Diploma de Especialização Tecnológica, de acordo com o modelo constante do anexo I do Decreto-Lei n.º 88/2006, de 23 de Maio, que dá acesso ao exercício da profissão de Técnico Especialista em Turismo de Ar Livre.

As Escolas do Turismo de Portugal têm ainda protocolos celebrados com várias universidades do país, para mais informações clique aqui e protocolos de estágio celebrados com empresas, veja quais aqui.

Propinas
Candidatura e Matrícula
Valor Candidatura
Valor Matrícula
25 €
80 €
Propinas
Valor Anual da Propina
Pagamento em Prestações
1.500
100 € x 15 meses

Nota: As Escolas do Turismo de Portugal concedem também apoios aos alunos, mediante o rendimento familiar, i.e. existe um regulamento interno de apoios sociais, designadamente isenção de propinas, subsídios de alimentação, alojamento, transporte, material didáctico e fardamentos e uniformes. Poderás consultar o regulamento do corrente ano numa das nossas 12 escolas.

newsletter
Subscreva a nossa Newsletter. Receba informações sobre as nossas escolas
siga-nos
outras redes